Com a revolução cibernética, a doutrina comercialista reclamava já há algum tempo de uma obra de fôlego que enfrentasse os novos contornos teórico-conceituais do fenômeno da virtualização do estabelecimento comercial. À essa empreitada se rendeu o professor e advogado Pedro Marcos Nunes Barbosa, que com sensibilidade percebeu a “obsolescência conceitual” da azienda clássica, que foi forjada para as relações comerciais tradicionais e pessoais. A obra ora apresentada evita a “importação de velhos conceitos para vestir novas realidades” e busca revisitar o conceito do estabelecimento comercial na Internet a partir de um tratamento jurídico apropriado.

Tagged with:  
Enviar para um amigo
Enviar para um amigo
| |   Enviar   | |

Licença Creative Commons Esta publicação está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.


© 2012 || Civilistica.com || webdesign by pedro gentil