Trata-se de pesquisa que pretende analisar a possibilidade de conciliação entre os diversos interesses que incidem sobre a relação contratual nas operações civis e mercantis. A revisão bibliográfica e a análise de julgados do Superior Tribunal de Justiça demonstrou que individualismo não se confunde com egoísmo, e que o interesse social deve prevalecer sobre o “egoísmo predatório”.

Enviar para um amigo
Enviar para um amigo
| |   Enviar   | |

Licença Creative Commons Esta publicação está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.


© 2012 || Civilistica.com || webdesign by pedro gentil